Overblog Suivre ce blog
Editer l'article Administration Créer mon blog
Brésil Ceara Fortaleza

Dengue em 2009

Curumirim

Ceará entre Estados ameaçados de epidemia

Ao menos 16 Estados e o Distrito Federal têm alto risco de desenvolver epidemia de dengue em 2009, segundo relatório do Ministério da Saúde. O estudo aponta ainda que os programas de prevenção e combate à doença diminuem nos anos em que há eleições para prefeito. Divulgado anualmente em outubro, o Lira (Levantamento de Índices Rápidos), espécie de mapeamento de regiões com potencial para ter surtos de dengue, foi antecipado este ano por causa das eleições.

 

Segundo o Lira 2008, apresentam alto risco de dengue, além do Distrito Federal, os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará, Amapá, Amazonas e Roraima.

O Ministério afirmou já estar notificando os Estados. O levantamento indica que os trabalhos de prevenção, concentrados nas mãos das prefeituras, tendem a diminuir e, em alguns casos, até ser totalmente interrompidos nos anos de eleições para prefeito. Os Estados com baixo risco de desenvolver surtos são: Acre, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Paraná. Foram classificados como áreas de risco médio: Rondônia, Paraíba, Alagoas, Sergipe e Espírito Santo.

Mesmo sendo o Estado com a menor incidência de mosquitos Aedes aegypti, transmissores do vírus da dengue, Santa Catarina corre alto risco de um surto no próximo verão. Um dos fatores para isso, diz o Ministério, é que a população do Estado é uma das mais suscetíveis a todos os tipos de vírus da doença, justamente por ter tido muito pouco ou nenhum contato com eles. O Lira leva em conta fatores como a circulação de tipos de vírus no país, informações fornecidas por agentes municipais em vistorias a residências, a densidade e a mobilidade da população e as condições climáticas, de infra-estrutura urbana, quantidade de mosquito e os trabalhos de prevenção de cada Estado. (das agências)

11/04/08

Commentaires